Como o rastreamento de links afeta a capacidade de entrega de e-mails

O rastreamento de links é ótimo quando se trata de analisar o desempenho da campanha de gotejamento por e-mail. Afinal, conhecer a taxa de cliques é a única maneira de saber o quão conversora é a sua cópia de e-mail.

Dito isso, a capacidade de entregar deve ser a sua prioridade quando se trata do envio de e-mails. E quando se trata da capacidade de entrega de e-mails, todos os detalhes podem afetar o resultado, até o rastreamento de links. Para oferecer mais flexibilidade, introduzimos uma opção de escolha caso você deseje ou não que seus links sejam rastreados. Mas, primeiramente, eis a razão de o rastreamento de links poder afetar negativamente a sua capacidade de entrega.

Resumo:

  1. Como o rastreamento de links funciona
  2. Tipos de links em e-mails
  3. Quando o rastreamento de links pode afetar negativamente a sua capacidade de entrega
  4. Como saber se um link pode ser rastreado
  5. Como usar links rastreados e não diminuir a capacidade de entrega de e-mails

Como o rastreamento de links funciona

Para rastrear a abertura de links, um serviço de rastreamento agrupa seus links em seus próprios links, alterando o link original. Quando um destinatário clica no link em um e-mail, ele é redirecionado para uma espécie de portal da Web e somente depois para o link ao qual você o direcionou originalmente. O destinatário mal percebe esse redirecionamento porque isso não afeta a velocidade, e o URL muda para o que foi inserido por você no processo. Esse redirecionamento rápido é suficiente para o sistema rastrear os cliques no link.

Tipos de links em e-mails

Quando você recebe um e-mail com um link, ele pode ser apresentado de duas maneiras:

Você pode acompanhar os cliques no link nos dois casos. No entanto, é preferível evitar o uso de links diretos. Aqui está o motivo.

Quando o rastreamento de links pode afetar negativamente a sua capacidade de entrega

É uma tática comum de spammers e scammers adicionar links que não levam ao destino prometido.

Imagine que você recebe um e-mail com o link https://snov.io, mas é redirecionado para um site solicitando doações. Para evitar perturbar os usuários e impedir que sejam enganados, os ESPs e os filtros de spam sempre prestam muita atenção aos links nos e-mails. Eles filtram nossos links de redirecionamento e, dessa forma, protegem seus usuários enviando para a pasta de spam os e-mails com links suspeitos.

Como saber se um link pode ser rastreado

Para saber se um link pode ser rastreado, passe o mouse sobre o link no e-mail. Olhe no canto inferior esquerdo do navegador. Se o link exibido for igual ao link no e-mail, ele não será rastreado. Se o link no canto inferior esquerdo da janela do navegador for diferente do link no corpo do e-mail, ele será rastreado.

Como usar links rastreados e não diminuir a capacidade de entrega de e-mails

A solução é utilizar links ancorados. Para rastrear os links nos e-mails e não prejudicar a capacidade de entrega deles, anexe URLs ao texto. Dessa forma, não haverá links visíveis no corpo do e-mail, apenas o texto que leva ao site necessário. Algo parecido com isto.

Como o rastreamento de links afeta a capacidade de entrega de e-mails

Dessa forma, os links não passarão por uma filtragem rigorosa e a sua capacidade de entrega não será muito afetada.

Isso foi útil?
0 0